terça-feira, 20 de abril de 2010

"Parvoices" soltas...

"Adoro ser diferente, pois só assim sei que sou eu..."

"Procuro o que não encontro... Desejo o que não posso ter... Anseio pelo que não chega..."


"É incrivel como nos conseguimos sentir tão sós, no meio de uma multidão..."


"Tento ser quem quero, nunca deixando de ser quem sou... Nunca serei quem querem que seja, pois deixaria de ser quem sou..."











2 comentários:

pedacinho de céu disse...

Entendo te.
Também gosto de ser diferente, revejo me no que escreveste.
Vou sorrindo para mim e para os outros e de vez em quando vou me surpreendendo!

Rita Gomes disse...

Ser diferente é bem melhor... "As pessoas riem-se de eu ser diferente, mas eu rio-me delas por serem todas iguais" :)
Ritxinhah ;)